Brasil decide expulsar principal diplomata da Venezuela no país
26/12/17 as 11:34 pm
Ver Notícia

O Palácio do Itamaraty resolveu dar o troco e declarou nesta terça-feira (26) o encarregado de negócios da Venezuela em Brasília, Gerardo Antonio Delgado Maldonado, persona non grata. Há três dias, o país vizinho anunciou a expulsão do embaixador brasileiro em Caracas, Ruy Pereira (veja aqui). Segundo o jornal O Globo, há mais de um ano, o Brasil não tem embaixador venezuelano. O Ministério das Relações Exteriores informou que Maldonado tem representado a Venezuela porque em maio de 2016 o presidente Nicolás Maduro ordenou que o embaixador Alberto Castellar voltasse a Caracas. O episódio ocorreu em pleno processo de impeachment contra a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), classificado pelo governo venezuelano como “golpe de estado”. As relações entre Brasil e Venezuela pioraram  principalmente após o presidente Michel Temer assumir o Executivo brasileiro e se colocar em uma posição claramente contrária a Maduro. O Brasil e os demais países do Mercosul decidiram expulsar a Venezuela do bloco, entre outras medidas de represália, incluindo notas de repúdio à violência e a prisões que vêm ocorrendo naquele país. Além do embaixador do Brasil, a Venezuela resolveu também expulsar o embaixador do Canadá no país. Por sua vez, o governo canadense aplicou o princípio da reciprocidade e ordenou o mesmo, assim como o Brasil decidiu fazer nesta terça.

Fonte: bahianoticias.com.br


 

Todo Direito Reservado a AP-STUDIO PRODUÇÕES E EVENTOS

Trav. Afranio Peixoto 32C - Auto da Cruz
Camaçari - BA
CEP: 42808-070

71.3040-4147
diretoria@camacarifm.com.br